Conectar-se

Esqueci minha senha

Últimos assuntos
» Motto - tem algum?
Qua Jun 08, 2016 2:11 pm por istyar

» "SEJEM" Bem vindos de volta pessoal.
Seg Dez 07, 2015 2:46 pm por Sorata

» Digimon Tri
Ter Nov 24, 2015 11:35 am por Akito

» Black Friday
Qua Nov 18, 2015 11:29 am por Isa

» O Ano é 2015
Ter Nov 17, 2015 11:18 pm por Silvio

» 4S Recomenda: Anime/Mangá
Ter Nov 17, 2015 5:03 pm por João Aranha

» Como se ver daqui a 20 anos
Ter Nov 17, 2015 12:40 am por Akito

» Perolas do 4S
Ter Nov 17, 2015 12:20 am por Akito

» olá pessoal eu sou novo aqui
Ter Fev 10, 2015 7:22 pm por Ster

Divulgue!
4Stars Anime Club


Redes Sociais


Limites

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Limites

Mensagem por Popo em Seg Nov 08, 2010 12:28 pm

Por onde quer que você vá, eles estarão lá, te observando das sombras, prontos para dar o bote!
Não, não são os seres das trevas, mas sim os Limites! Não adianta correr nem se esconder, para tudo na vida há um limite, uma limitação, e quando você vence uma, surgem outras.

Eu diria que todo tipo de conduta/pensamento possui uma potência ilimitada; seriam capazes de chegar a todo e qualquer lugar se fossem deixadas por si sós, mas há sempre limites que as definem e impedem que de fato elas tendam ao infinito.

Ordem prática: como vocês lidam com os limites que a vida impõe? É com revolta, com aceitação, com malícia?

(esse tópico surgiu pela minha vontade de ficar em casa jogando video-game, mas tenho que trabalhar pra pagar o video-game :Very Happy)
avatar
Popo
Jupiter
Jupiter

Mensagens : 5321
Inscrição : 28/05/2007
Idade : 32

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Garou em Seg Nov 08, 2010 1:32 pm

XDDD

Não sei pq tenho a mesma vontade q vc Popo =P

Obviamente q pra uma pergunta tao ampla a quantitade de variações é de mesma magnetude...
Bem... Acredito que a gente analisa qual é a punição por ultrapassar o limite e julga viavel ou não pra poder ultrapassa-lo.

Por exemplo nossa vontade de jogar video-game, limitada pelo custo imposto dentro do capitalismo....... A gente tenta trabalhar o minimo ganhando o máximo pra ter tempo de jogar, ou de obter a renda para comprar o videogame.
Nesse caso há varios pontos de vista para o limite, sendo o financeiro o principal... Mas a gente com dedicação empurra pouco a pouco a linha... já que essa é ilegal ultrapassar (roubo).
avatar
Garou
Mars
Mars

Mensagens : 1449
Inscrição : 23/06/2008
Idade : 27

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Purin em Seg Nov 08, 2010 1:49 pm

Cara, eu sou uma derrotista pessimista dos infernos. Então eu vejo lá o limite, fico puta, mas ohwell. Dá para fazer algo contra isso? Não dá, então;...
Fazer o quê? O ideal é ir tocando uns foda-se para o que incomoda e ir adaptando sua vontade dentro daquele limite. Não tenhoe sse mimimi de superarbarreirasblabal até porque tem coisas que não adianta você dar uma de rebelde sem causa - minha opinião.
Então o negócio no seu caso é o que você já tem feito, tem os seus horários de lazer, tem seus horários de foda-senãovouprafaculhoje... e ainda tem o gosto Pollyana de pensar que "graças ao trabalho posso pagar meu video game "
Spoiler:

Vai se foder, Pollyana!

avatar
Purin
Mars
Mars

Mensagens : 1425
Inscrição : 08/11/2008
Idade : 26

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Hidekee em Seg Nov 08, 2010 2:18 pm

Tudo na vida há limites. O fato de nós mesmos não estarmos flutuando ou afundar na terra são limites físicos impostos pela natureza. Ninguém reclama disso pq nascemos assim huahuahuhauhau... Mas enfim, indo para coisas mais corriqueiras, creio que essa ideia de limites se parece com a minha de dependência criada pela vida em sociedade. Notem só:

A ida ao trabalho, aparentemente depende apenas de vc para chegar na hora, mas não é bem assim. Depende de uma série de fatores conhecidos previamente e um absurdo mar de fatores desconhecidos! Os conhecidos são os típicos "o ônibus pode atrasar, quebrar ou furar o pneu". Mas os deconhecidos são aqueles "o ônibus pode ser assaltado", "um maluco pode tentar me agredir e eu ter que ir no hospital", "pode cair um meteoro no meio do caminho", e assim vai... Tudo faz uma situação que aparentemente depende apenas de vc, depender de várias outras pessoas. Limites impostos pela nossa dependência social e pelo mero acaso.

Quanto a eu ter que fazer algo que sei que tenho que fazer, como deixar de ficar de bobeira em casa para ter que ir trabalhar, isso são limites morais que adquirimos. Nada impede que eu dê um de maluco e jogue tudo para o alto, mas as consequencias dessa minha escolha me fazem refletir e é um certo limite que me "empurra". Por este aspecto o limite aqui não é bem nocivo, mto pelo contrário. Se não fosse esse certo limite de "obrigação", estaríamos ainda nas cavernas, acomodados com nossa preguiça, ou pelo menos na Idade Média.

Outro fator legal de limites criados, é o limite moral quanto ao outro, pois é o que impede vc de agir por impulso e matar alguém bêbado a porradas por ofender sua família. Tudo bem que tem quem extrapole isso e por isso existe a justiça para controlar esses excessos. Se não fosse esse limite, aí estaríamos exterminados a mto tempo, pois a natureza humana em si é nociva aos próximos.

Limites não são bons ou ruins, eles apenas são... limites. Basta a nós saber como encará-los. Eu pessoalmente tento encará-los como naturais, por mais que sejam chatos e incômodos, mas tento levar assim para evitar a frustação que sempre vem qdo achamos que vamos superar barreiras e damos com a cara nela. Qdo encaro como naturais, tento superá-los ou simplesmente administrá-los de alguma forma, tirando vantagem deles ou minimizando os estragos caso sejam inevitáveis.


avatar
Hidekee
Hidekon
Hidekon

Mensagens : 12499
Inscrição : 24/05/2007
Idade : 38

http://hidekeitaro.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Blacksand em Seg Nov 08, 2010 3:25 pm

Vixi, Hideki ficou inspirado agora! Só faltou mencionar o "demônio de Laplace" ali para fundamentar em conceitos mais físicos (ou matemáticos, dependendo da visão de "limite" de cada um) a opinião! ;P

Eu fico meio puto por vezes com certos limites que me impõem e discordo, em geral, relacionados principalmente com educação e ensino. Cara, desde quando fazer prova avalia o aprendizado? Desde quando duas provas são suficientes para traçar todo o conhecimento adquirido por um aluno em seis meses de curso? E como raios que me partam um curso de engenharia pode não ter aulas laboratoriais como avaliação?

Em resumo, dos limites que vivo a caminhar, a universidade é a pior imposição dos mesmos. Pois são limites traçados a dezenas de anos atrás e deveriam ter sidos modificados a um punhado de tempo.

Ah! E um limite que é muito chato também é peso. Por que, deuse, não podemos comer rodízios todos os dias sem engordar? Por quê???
avatar
Blacksand
Jupiter
Jupiter

Mensagens : 2155
Inscrição : 28/05/2007
Idade : 30

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Henryke em Seg Nov 08, 2010 4:12 pm

Você que cria seus próprios limites.
como o filosofo Jean-Paul Satre dizia... voce sempre tem uma escolha, se as coisas nao aconteceram como vc queria a culpa é sua, voce pode escolher o que quiser, poreeeeem esta sempre fadado as consequecias... por exemplo:
voce pode roubar o video-game que vc quiser e tambem roubar os jogos que quiser, assim naum terá de trabalhar, mas tera a consequencia, voce pode (ou naum) ser preso... sacaram minha ideia?
por exemplo, quando o hideki diz: "Depende de uma série de fatores conhecidos previamente e um absurdo mar de fatores desconhecidos! Os conhecidos são os típicos "o ônibus pode atrasar, quebrar ou furar o pneu". Mas os deconhecidos são aqueles "o ônibus pode ser assaltado", "um maluco pode tentar me agredir e eu ter que ir no hospital", "pode cair um meteoro no meio do caminho"
vc tambem pode "controlar" esses fatores, por exemplo, vc pode se prevenir de chegar atrasado saindo tres dias antes da sua casa e ir a pé, evitar ser assaltado aprendendo a se defender ou contratar seguranças, pode checar se tem algum meteoro rondando a Terra e até mesmo evitar de alguma forma que ele se colida contra a Terra porem todas essas precauções tem consequencias, podendo ser por perda de dinheiro (vc fica devendo dinheiro pra seguranças). a Ideia por exemplo de evitar que o meteoro colida contra a Terra pode parecer impossivel mas nao é, vc, se esforçando pra cacete, pode conseguir isso.
porem, como eu ja disse, escolher essas precauções tem suas consequencia, o que eu naum chamo de limite, mas sim de obstaculos, o que é diferente de limites...
avatar
Henryke
Mars
Mars

Mensagens : 865
Inscrição : 13/11/2009
Idade : 22

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Scarlett em Seg Nov 08, 2010 7:06 pm

Blacksand escreveu:Ah! E um limite que é muito chato também é peso. Por que, deuse, não podemos comer rodízios todos os dias sem engordar? Por quê???
Eu como massa(macarronada) quase todo dia, e não engordo. Maior peleja pra eu engordar. u.u

Cara, eu odeio limites.
Por exemplo, eu sou de pensar que o limite da nossa força não é físico, e sim mental... Não é o caso de pensar que se é um super saiyajin e sair quebrando tudo e pá, mas sim no sentido de que sempre podemos nos superar e que somos nós mesmos que determinamos limites em nossas vidas e nos acomodamos com eles a ponto de passar a achá-los insuperáveis ou de ser o fim da linha.
Academia pra mim, é bem "No Pain, No Gain" no sentido literal mesmo aehiaiueha

É claro que uma coisa que eu respeito bem e concordo é aquilo que dizem "o nosso limite termina aonde começa o dos outros". Não tenho nenhum problema em respeitar os limites dos outros. Tenho sérios problemas com limites impostos a minha pessoa, e infelizmente minha vida toda sempre foi e é cheia de limites forçados(meu pai é um pseudo-ditador). Então minha reação a limites é a rebelião. aeuihIUHE Se apertam muito o "cabresto" pra cima de mim, eu me rebelo... e sai de baixo de cima, do lado e qualquer lugar próximo.

Meu maior sonho de consumo atualmente(embora não esteja fazendo nada ainda para alcançá-lo) é um apartamento/casa só pra mim, com minhas coisas, com meu tempo, sozinha o dia inteiro. Amo ficar sozinha porque assim os únicos limites impostos são os físicos e eles não me incomodam tanto assim nesse sentido de espaço. ;P






...


avatar
Scarlett
Mars
Mars

Mensagens : 799
Inscrição : 27/10/2010
Idade : 26

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Arashi Kishuu em Seg Nov 08, 2010 10:32 pm

(Scarlett, estamos juntas nessa de pai ditador, rs)

------------------

Bem, concordo com a maioria aqui. Somos todos os dias obrigados a lidar com limites, sejam nossos ou alheios. Eu não sei lidar muito bem com eles, mas, em alguns casos (como os do ensino, metrô e "quadriculamentos" sociais), abstraio e toco em frente, senão eu piro (já tive síndrome do pânico por causa deles). Já pedi demissão várias vezes porque, na minha opinião, passaram dos limites comigo e com os outros (sou de comprar briga dos outros e isso me fode legal).

Agora, como a Purin, não fico nessa de "superar barreiras", acho isso uma puta de uma propaganda enganosa. No fim, é tudo um meio de controlar ainda mais as massas e criar "líderes", "herois" da sociedade, "exemplos" a serem seguidos. Acho tudo balela justamente porque tudo isso não tem um fundamento lógico e coerente: quem determina quem manda e quem obedece!? E por quê?!? Esse tipo de limite imposto gera outro: o da auto-punição. Você acaba se punindo porque não é "heroi", porque está à margem da sociedade (como se isso fosse problema).
Vou parar porque acho que saí do assunto, weeeee
avatar
Arashi Kishuu
Venus
Venus

Mensagens : 319
Inscrição : 17/07/2007
Idade : 31

http://www.estudionitro.com.br

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por ** Trunks ** em Ter Nov 09, 2010 6:38 am

Todos deram respostas muito boas

Eu sinto que passarei pela mesma indignação que vc em breve Popo heuoehouehoe, terei de trabalhar parar pagar a divida...

As vezes eu paro e penso: "PORRA, a vida é muito curta, digamos que eu consiga viver até os 80 anos... já tenho 24, passa muito rápido... agora vamos supor que eu morra com 50 anos ou com 30 anos... no final eu trabalhei, trabalhei e a vida passou e nada eu aproveitei."

Sei que esse pensamento pode ser muito "Hakuna Matata", mas eu realmente penso assim as vezes. Eu a cada dia que trabalho, penso que isso é temporário e que logo vou conseguir um "WARP ZONE" e bugar a vida como muitos fazem hehehe, que vou conseguir algo que me de dinheiro e não me tome tanto tempo.



avatar
** Trunks **
Bocoh!
Bocoh!

Mensagens : 11685
Inscrição : 25/05/2007
Idade : 107

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por BlooD em Ter Nov 09, 2010 10:30 am

Pra mim Limites nao existem .-. a gente que toma a partida de saber o que é o limite. Como o Hideki disse q existem limites fisicos e naturais tb nao acredito que haja , o porque ? Porque somos meras criaturas e nao sabemos nada sobre absolutamente nada tudo o que sabemos é muito pouco pra uma dimensão de coisas muito maiores que nós e nao estou flando nada de seres divinos e pans e sim coisas q nao compreendemos e nunca vamos compreender.

Pra mim isso é tudo uma questão mental , acredito que o cérebro consiga fazer coisas além do que nos conhecemos , as vezes limites que achamos nunca poder quebrar ou ultrapassar , conseguimos numa situaçao extrema.Nós colocamos limites para nós mesmos inconscientemente epor isso acreditamos que esses limites sao reais pq aprendemos que sao limites.

Isso falando de limites naturais e físicos agora limites do cotidiano concordo com o Henriks , sao obstáculos a serem passados (tipo uma seleção natural ) por exemplo o Popo falando que desejava jogar video-game invés de ir trabalhar , tem gente que faz os dois ,simples trabalhe com jogos , mas dizem que vc nao ira conseguir se sustentar , ai vc esta pondo limtes a voce mesmo , se outros acham isso prove a eles que eles estao errados trabalhando duro e sendo bom no que faz. obstáculos e limites acabam vindo com consequências e elas que acabam decidindo nossa vida.

Concordo com o Trunks a vida é muito curta ,deveria estar curtindo mais, daqui a pouco vou passar no vestibular estudar q um loco e depois trabalhar e quando ficar velho pode ser q tenha condições financeiras de poder curtir a vida, mas mesmo assim estarei velho e nao conseguirei fazer metade do que queria fazer. O grande limite hoje em dia que nos cerca e fode com todo mundo é o Money quem tem dinheiro e pode viver suave trabalha pra conseguir mais e quem nao tem se mata pra conseguir poder viver suave.
Isso com certeza acho q nunca vai mudar fazer o que nao, tb fico puto com isso.
avatar
BlooD
Jupiter
Jupiter

Mensagens : 1786
Inscrição : 12/01/2009
Idade : 23

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Isa em Ter Nov 09, 2010 10:58 am

O que eu ia falar, o Blood já falou.
Nós acabamos por impor certos limites a nós mesmos. Isso uma amiga minha me disse uma vez: você faz o que você quiser, só quem impoe limite é você mesma.
E é verdade. Vou dar um exemplo escroto mas é só pra mostrar mesmo uahieh
É a mesma coisa que ter controle, existe um limite pra fazer coisa 'x', do tipo, atravessar uma rua movimentada e cheia de carros, você pode, mas não vai tirar o pé da calçada enquanto for seguro o suficiente.
É a mesma coisa com limites, a gente não vai mais além geralmente por um motivo nosso.
Eu não posso falar que gosto ou não de limites, porque eu sinceramente não sei. Acho que depende da situação. Tem hora que eu detesto e tem outros momentos que eu agradeço por esse limite existir auhea

Eu lido na maioria das vezes com aceitação ou rebeldia. Malicia não, sou boazinha demais pra isso ;(
Mas atualmente? Eu tenho ligado muito o foda-se, coisa que eu não deveria aihiahaui *irresponsavel*





Brigada hidekeee *-*


Obrigada Trunki ^^-
Spoiler:
xuz~
avatar
Isa
Jupiter
Jupiter

Mensagens : 6130
Inscrição : 28/05/2007
Idade : 22

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Popo em Ter Nov 09, 2010 12:50 pm

Gente, mas pensem só: qual é a relevância de um limite, reconhecido como limite ou obstáculo (diferente do Henryke eu acho que os dois se equiparam), ser de origem mental, física, espiritual, ou o que quer que seja?
A partir do momento que a coisa te impede de fazer aquilo que supostamente você quer, ela se torna um limite que pode/deve ou não ser superado!

Não vou aqui entrar em divagações metafísicas acerca da origem e natureza cósmica dos limites, apenas reconhecer que eles existem nas nossas vidas e devemos lidar com eles. Você quer superar o limite do oceano? Cria um barco. Quer ir lá falar com a garota bonitinha que não te dá bola? Cria coragem e vai. São limites, é claro que são, quem negar que isso são limites pode dizer aí, mas são passíveis de superação.

Blood, com base nesse teu argumento de "simples: trabalhe com games" você deixa de levar em consideração uma série de consequências que são, no meu caso específico, largar duas graduações e um plano de carreira pra buscar algo que talvez não seja o que eu quero! UHEAUEHAIUEHAOIUEHAE Pela sua lógica, se alguém que tem cancer quer viver mais 10 anos, é só se livrar do câncer! Se o velho broxa quer reviver sua juventude com a dona Maria, é só deixar de ser broxa! Não é bem assim. Meu exemplo é só isso, um exemplo, e não é o foco do tópico.


Os limites são reais, independentemente de sua origem. Há uma limitação: matar alguém te joga na cadeia. Você pode matar alguém e ignorar esse limite? Claro que sim! Mas novos limites lhe serão impostos e você vai parar no xilindró. Pode fugir da cadeia? Claro que sim! Mas vão te perseguir, você vai ter que viver se escondendo, logo serão novos limites. Negar os limites é uma tarefa paradoxal e infrutífera.

O foco deve ser como lidar com os limites, já que negá-los é uma espiral de auto-destruição. =D
avatar
Popo
Jupiter
Jupiter

Mensagens : 5321
Inscrição : 28/05/2007
Idade : 32

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Purin em Ter Nov 09, 2010 3:13 pm

E se você vai se frustrar por não conseguir superar o limite é melhor se adaptar a ele. A minha ideia é essa, você quer chegar na gatinha e tá com vergonha? Pede prum 3º, aproxima sem falar nada... <- alternativas do seu limite que é chegar lá e pa pum.
Você quer superar o limite do oceano? D: Faz um curso q te leve la, vai de cruzeiro, aluga filmes ((: ...Tudo depende do teu objetivo.

Você quer matar alguém sem ir pra cadeia? Acidentes acontecem. Coff. Mas ééé por aí que eu tento mesmo, você se adaptar no limite e não dar cabeçada nele.
avatar
Purin
Mars
Mars

Mensagens : 1425
Inscrição : 08/11/2008
Idade : 26

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Hidekee em Ter Nov 09, 2010 3:22 pm

Purin escreveu:E se você vai se frustrar por não conseguir superar o limite é melhor se adaptar a ele. A minha ideia é essa, você quer chegar na gatinha e tá com vergonha? Pede prum 3º, aproxima sem falar nada... <- alternativas do seu limite que é chegar lá e pa pum.
Você quer superar o limite do oceano? D: Faz um curso q te leve la, vai de cruzeiro, aluga filmes ((: ...Tudo depende do teu objetivo.

Você quer matar alguém sem ir pra cadeia? Acidentes acontecem. Coff. Mas ééé por aí que eu tento mesmo, você se adaptar no limite e não dar cabeçada nele.

Não sabia que vc era tão perigosa assim Purin ç.ç'


Cara, limites existem e temos que tratá-los como devem, sem medo mas sem excesso de respeito. Não há muro que não possa ser contornado ou buraco que não possa colocar uma ponte, mas as vezes as pessoas querem voar sem asa-delta ou avião, o que complica mto. Aí é no fundo desconhecer os limites. Conhecendo-os e comparar com o seu objetivo, como Purin falou. Se valer a pena tenta superá-lo, senão, ignore-o, parece mais compra no supermercado falando assim huahuahua...

E esse papo de espiral de destruição me lembrou Kara no kyoukai e o Araya Souren buscando a espiral da vida *otaku* 8D


avatar
Hidekee
Hidekon
Hidekon

Mensagens : 12499
Inscrição : 24/05/2007
Idade : 38

http://hidekeitaro.blogspot.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Magu em Ter Nov 09, 2010 10:27 pm

Os limites estão ai como disse para serem superados ou não, em geral me abstenho ao comodismo de não ser um cara que rompe os limites, fico bem dentro da mediocridade da vida.
Porem, quando baixa o santo rompo o limite do comodismo e faço algo mas bem acabado, em geral, para brio próprio, nada como romper o senso comum e ganhar parabéns ao final de uma boa palestra....

O pior de todos os limites é o do cartão de credito, esse te ferra pianinho.... reflexões particulares a parte... as vezes queria romper o limite do convencional.

Me atento ao primeiro exemplo do topico, as vezes dá uma vontade de ligar um foda-se, sair daqui de são paulo, do trabalho de matematica financeira de fundos de pensão, do transito de 3h por dia, da conta no vermelhor, da faculdade e de todo essa papo de carreira, sucesso profissional de alegria no trabalho e virar um pescador em fernando de noronha... a historinha seguir reforça isso...

Eis uma reflexão, de presente de 5 anos com a Luiza, fomos a Natal (em troca rompi o limite do cartão de credito hauhauhahauhuahuah), um dos lugares que passamos foi a praia do pipa, show de bola, muiiiiiiiito bonita mesmo. Tivemos um tempo livre já liberados da guia do passeio(Bebes, nos vemos na praça da igreja as 4h para passeio de tra-trem), passei num cafe, bonitinho.
Cara que visual!!!!!!!!!!! O café era meio stiloso, pego o cardapio, sento na mesa com a menchi, eis que um gajo português nos seus 50 anos me pergunta: O que queres??!!!!..... o que queria era pular no pescoço dele, esconder seu corpo, e assumir o lugar como dono daquele pequeno céu... me faltou só romper o limite (paradigma) do convencional, de que o sucesso SÓ vem por procurar o dinheiro para depois buscar qualidade de vida... Será?....




Menchi, eu te amo mais do que vc me ama =p~~~~~~Não na realidade eu não te amo,amor é pouco para definir oque eu sinto por vc. Obrigado por existir!
avatar
Magu
Adm tesudo
Adm tesudo

Mensagens : 694
Inscrição : 25/05/2007
Idade : 31

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Menchi em Ter Nov 09, 2010 11:35 pm

Acredito que tem os limites realmente que temporariamente ou nunca podem ser rompidos e aqueles que tem como ser superados sim!

Bem, me considero alguém otimista (ok... e um pouco lesada também .___. )Tem limites, e um bando deles na minha opinião, que é um limite só porque consideramos um limite, mas que podemos atravessar... Um exemplo: todo mundo achava impossível eu conseguir vim e me manter aqui em São Paulo (e muita gente sabe disso), mas aqui estou. Tem coisas consideramos limites e não é...

Pensem bem comigo, tem muitas coisas que a gente tem como romper, mas fixamos na cabeça que não tem. Céus! Quantas vezes considero algo como um limite para mim, mas não é... Pior é quando tentam fixar um limite para a gente e nós acreditamos e tratamos o fato realmente como um limite insuperável (que na verdade só é um porque definiram ali, porque senão não seria um) até um momento que cai a ficha ou alquem demonstra que a gente ´pode romper esse tal limite.

Já impus muito limite para mim de idiota, porque só me prejudicava e mais nada e aceitava sendo mais estupida ainda, mas agora estou rompendo vários deles mesmo... e dai? Vivo cada vez melhor em descobrir os limites que devo aceitar e aqueles que devo destruir
avatar
Menchi
Venus
Venus

Mensagens : 238
Inscrição : 16/10/2007
Idade : 29

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por ** Trunks ** em Qua Nov 10, 2010 6:43 am

Mas nem tudo tem um limite, concordam?!

Por exemplo, tem limite para a burrice ou falta e bom senso?! S vezes eu acho que não hehe



avatar
** Trunks **
Bocoh!
Bocoh!

Mensagens : 11685
Inscrição : 25/05/2007
Idade : 107

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Lord Inccubus em Qua Nov 10, 2010 10:45 am

Sr. Popogancho...

Limites são coisas necessárias...
Eu trato com limites o dia todo. Minha função é forçar as pessoas respeitarem os limites impostos para que outras pessoas possam viver também na sociedade moderna. Esses limites são as leis.
Posso te dizer que existem vários tipos de limites Mr. Popo.
E convivendo diariamente com os limites da sociedade, pude classificar eles em 3 ordens distintas.
As coisas que temos que fazer e gostamos de fazer. (fácil)
As coisas que não temos que fazer, e não gostamos de fazer. (fácil)
As coisas que não temos que fazer e gostamos de fazer. (hehehe)
As coisas que temos que fazer e não gostamos de fazer. (aí phodeu!)

Para essas coisas do último item (o phodeu!), temos as leis. Pois são elas quem forçam as pessoas á agirem desta ou daquela maneira contra sua vontade.

Algo tipo: Tenho que trabalhar. Não quero, mas tenho que fazer. Porque?
Porque senão tampar, não pago as parcelas do video game, e aí existe uma lei que fará meu nome ficar sujo na praça, e poderá penhorar meu carro e minha graninha do banco.

Os limites existem... E são necessários para a vida em sociedade. Principalmente no Brasil, que é o país do jeitinho e do cambalacho. Dos políticos de dólares na cueca e que são reeleitos. O brasileiro, meu caro popo, é o cara que vai pelo acostamento... na estrada, sabe? É o espertinho...

Contudo, temos alguns limites que precisam ser transpostos. Quando temos uma lei que é injusta, temos que transpor esse limite para ir em busca da justiça e não da lei. A justiça é a finalidade da luta do advogado. (muitos esquecem-se disto)

Mas existe uma lei que deve ser transposta, um limite á ser quebrado sempre. Aquele que existe dentro de nós. Eu tenho que viver quebrando esses limites. O tempo todo!
Assim, serei cada vez melhor, e mais forte, mais astuto, terei mais grana, e mais, e mais, até o dia em que poderei ficar mais 3 horas em casa jogando meu game, porque lutei e venci, e os 60 funcionários da minha empresa estão lá, fazendo sua parte e buscando vencer tb, numa roda infinita de barreiras á serem quebradas.

Quanto mais poder você acumula, mais coisas que temos que fazer e gostamos de fazer você poderá fazer, sabe? Pois a felicidade está aí. Em trabalhar no emprego que vc curte fazer, em ir pra casa que vc curte morar, no bairro que vc curte viver, e com a pessoa que vc curte furunfar... (rs)

Essa é a evolução do homem...


(nossa, filosofia? rs)
avatar
Lord Inccubus
Mercury
Mercury

Mensagens : 50
Inscrição : 29/10/2010
Idade : 39

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Popo em Qua Nov 10, 2010 11:02 am

Inccubus, se tu ler meus posts vai perceber que eu penso quase dessa forma, e meu exemplo inicial foi só isso, um exemplo, banal até. Nâo vou largar emprego pra jogar video game, seu bando de serious business UIHEOUIAHEOUIAHEOIUAHEOIAUHEOUE

Mas há um erro crasso nos seus argumentos: acreditar que as leis servem apenas para nos obrigar a fazer aquilo que não gostamos, ou nos impedir de fazer aquilo que queremos. Isso seria considerar que todos os indivíduos de todas as sociedades guiam suas condutas exclusivamente no sentido de burlar convenções sociais, e exclui da realidade aqueles que de fato acreditam na teleologia das normas.

Kant faz uma distinção muito boa nesse campo, distinguindo entre o agir legal e o agir moral. O agir legal é isso que você falou, do camarada fazer TUDO aquilo que ninguém o proibe, e só deixar de fazer aquilo que lhe trará consequências diretas a partir de uma norma ou lei. Já o agir moral é característica daquele que se guia por ideais, que podem ou não ser leis e trazer consequências, auto-impondo limites morais e éticos a si próprio para fazer aquilo que acredita ser o correto, aquilo que tende à paz social.

Por esse motivo é que acho que a Justiça que você mencionou não é a Justiça de fato, aquela em que existem as leis instituídas e leis morais, de consciência, de boa fé, em que as pessoas fazem o certo "porque sim", e não pelo simples fato de terem uma sanção.
avatar
Popo
Jupiter
Jupiter

Mensagens : 5321
Inscrição : 28/05/2007
Idade : 32

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Limites

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum