Login

Esqueci minha senha

Últimos assuntos
» Motto - tem algum?
Qua Jun 08, 2016 2:11 pm por istyar

» "SEJEM" Bem vindos de volta pessoal.
Seg Dez 07, 2015 2:46 pm por Sorata

» Digimon Tri
Ter Nov 24, 2015 11:35 am por Akito

» Black Friday
Qua Nov 18, 2015 11:29 am por Isa

» O Ano é 2015
Ter Nov 17, 2015 11:18 pm por Silvio

» 4S Recomenda: Anime/Mangá
Ter Nov 17, 2015 5:03 pm por João Aranha

» Como se ver daqui a 20 anos
Ter Nov 17, 2015 12:40 am por Akito

» Perolas do 4S
Ter Nov 17, 2015 12:20 am por Akito

» olá pessoal eu sou novo aqui
Ter Fev 10, 2015 7:22 pm por Ster

Divulgue!
4Stars Anime Club


Redes Sociais


Projeto: Jornal Online Literário

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Projeto: Jornal Online Literário

Mensagem por Purin em Sex Set 02, 2011 12:19 am

Pessoal, recebi uma proposta maneira de um amigo e logo lembrei dos grandes talentos que temos por aqui. Vou colar na íntegra. A ideia, resumindo, é criar uma "Shounen Jump" brasileira, só com histórias. Sendo elas estilo anime ou não! Ele se baseou em uns jornais antigos, estilo Machado de Assis.




A idéia é a de se produzir um site que contenha um veículo no formato de jornal impresso. Em vez de notícias, existirão textos literários, mas a estrutura de um jornal (título, ilustrações no lugar das fotos, legendas e afins) permanecerá. A idéia surgiu pensando nos encartes de jornais antigos, que vinham com capítulos de grandes histórias. Muitos grandes autores brasileiros foram revelados nesses espaços. A diferença é que, desta vez, seria criado um jornal inteiuro dedicado apenas às histórias (e algumas crônicas e artigos, é verdade). O jornal, a princípio, deve ter em torno de 16 páginas e sua "tiragem" deve ser semanal.

É preciso reforçar que, no dado momento, estou fazendo apenas um levantamento de interessados em escrever textos para o futuro veículo, e baseado na receptividade da idéia, saberei se é possível ir atrás de desenvolvedores para o site que hospedará o jornal. É imprescindível que haja escritores interessados em produzir, semanalmente, ´"capítulos" (ou pedaços de uma história sequencial, tal qual uma novela) para alimentar o periódico. Sem escritores, não haverá produto final.

O público-alvo inicialmente pensado são os jovens. A idéia original era a de uma produção impressa, um jornal semanal físico distribuido em faculdades. Porém, como eu não tenho nem experiência em tocar veículos desse porte, nem capital para fazê-lo, acabei acatando uma sugestão dada pelo professor que orienta meu Trabalho de Conclusão de Curso (que, já adianto, não tem nenhuma relação com este projeto) de criar um jornal virtual. Os custos para a manutenção de um site são baixos, o meio é ideal para atingir o público-alvo almejado e é possível divulgar os trabalhos de autores remetendo os internautas para eventuais livros que eles já tenham escrito. Se e quando o veículo tiver adquirido alguma notoriedade, será possível pensar em patrocínios e/ou propagandas que viabilizem uma versão impressa.

A idéia inclui, além de escritores, pessoas que atuem como ilustradores, músicos, dubladores e afins - a idéia é não simplesmente produzir um jornal convencional para a internet, mas aproveitar as possibilidades que essa mídia oferece para criar trabalhos multimídia. Não me estenderei sobre este assunto ou as idéias que tenho para isso neste e-mail para não cansar você, leitor, desnecessariamente. Essas idéias serão expostas aos que vierem a se interessar.

É preciso ressaltar também que o objetivo é a divulgação de novos autores (e por "novos" quero dizer "pouco conhecidos no cenário literário", não necessariamente "jovens"), por meio de histórias periódicas - o que inevitavelmente gera uma responsabilidade por parte do autor em dar prosseguimento aos capítulos nas edições semanais. Sonhando no futuro, a idéia é a de transformar o jornal, se esse vier a se concretizar, em uma plataforma para a divulgação da literatura contemporânea e de novos autores, uma referência para escritores em início de carreira e uma fonte de histórias interessantes para o público geral. Histórias as mais diversas, conquanto mexam com o leitor e sirvam para reflexão tanto quanto para divertimento. Não importa se os textos se ambientem em mundos medievais, modernos, futuristas, se retratem o Brasil ou não, se sejam engraçados ou dramáticos... o autor é livre para escrever o que quiser, contanto que tenha em mente que a responsabilidade pelo que seu texto fala será sua (cuidado, portanto, com calúnias, preconceitos, plágio e com outros crimes previstos por lei ou com o modo como se faz a inclusão de pessoas, instituições e, em casos extremos, eventos reais. O que é óbvio, mas não custa avisar). Eu, certamente, serei um dos autores a escrever para o jornal.

Caso o veículo se viabilize economicamente, é certo que a luta será para que haja pagamento aos escritores, como há para jornalistas em qualquer redação, de modo a tornar o jornal uma referência entre aqueles que sonhem em sobreviver das letras, mas até que isso ocorra é preciso deixar claro que a única remuneração possível de se oferecer é a visibilidade de sua obra e de seu nome.

Dito tudo isso, o primeiro passo é o de encontrar interessados em escrever (e desenhar, tocar, fotografar e, talvez, até criar animações ou programar um site) para o jornal. É o que estou fazendo agora. Quem se interessar pode me enviar um e-mail diretamente para rafael.p.moreno@hotmail.com para fazer perguntas, sugestões, confirmar presença, indicar nomes de possíveis interessados mesmo que não queira participar ou o que for. Conhecendo a disponibilidade de autores, será possível ir atrás da confecção do site (ou não, caso não haja interessados...). Além de escritores, quem for ou conhecer desenhistas e animadores, sonoplastas ou profissionais de computação, editores ou tenham alguma experiência com a confecção de sites ou de jornais impressos, ou mesmo que tenham conhecimento na área de vendas de anúncios e afins, também é muito bem-vindo.

Desculpe pelo e-mail enorme, e agradeço desde já.

Att.

Rafael

Smile Se tiverem interese, é só entrar em contato.
Requisitos e "vagas" do que ele precisa são:

Spoiler:

"Já temos quatro autores que confirmaram presença, e uma quinta pode se unir a nós ainda. Apesar disso, ainda precisamos de membros para a equipe que, independente de sua função, tenham:

-interesse e disposição em investir na proposta (investir tempo e esforço, não digo em investir dinheiro);
-noção de que não irá receber $$ à princípio - apenas visibilidade para seu trabalho, até que consigamos começar a gerar receita com o projeto. Quando isso acontecer, todo o dinheiro recebido será, primeiramente, usado para manter o provedor e outros gastos do veículo. Todo excedente, a partir daí, será dividido pelos membros com base na meritocracia (quanto mais páginas escrever ou ilustrar, dentro do que é possível, ou quanto mais partes dublar ou animar, etc, maior seua porcentagem. Isso será discutido melhor com quem mostrar interesse).

Além disso, precisaremos tembém de:

-Autores:

Todos os que estiverem interesse em colaborar com histórias de qualquer tema, de princesas e dragrões a cyber-punk-doloroso-mecha-boss-whatever, são muito bem-vindos (lembre-se apenas que é como um livro em capítulos: cada "capítulo" da história é lançado em uma edição e feito pensando o formato do jornal - que, contudo, pode ser modificado ao gosto do autor). Não precisa ter nada além de uma boa idéia, . Além disso, procura-se pessoas jovens, embora isso não exclua aqueles com idade avançada, se esses conseguirem provar que sabem criar histórias que atraiam o público jovem, claro.
Pré-requisitos:
-Bom domínio da gramática;
-Idéias demais para histórias, personagens, cenários e afins, bem como a capacidade para transmiti-la para o papel (idealmente seria bom ter algo para provar essa habilidade, apesar disso não ser imprescindível. Algo escrito para RPG, um roteiro a esmo, uma fanfic, uma história curta ou qualquer coisa assim já são o suficiente. Só serve para dar uma idéia da sua habilidade com a escrita e com a imaginação).

-Ilustradores

Gente que gosta de desenhar e/ou pintar, que faz quadros ou desenhos no PC, etc. Porque, apesar dos autores acharem que seus textos são o grande show da noite, páginas intermináveis só com palavras e nenhuma imagem é pedir para ninguém ler. Claro: a ilustração terá que condizer com a história, e por isso ´´e essencial que se possa deixar ser inspirado pelos textos, mas isso afora, escritor sempre teve mania de achar que seu trabalho é o essencial e o resto é o resto. Deixe-os achando isso e aceite a realidade: em algumas páginas haverá mais espaço para imagens do que para textos. Qual dos dois trabalhos terá mais evidência, portanto?
Pré-requisitos:
-Capacidade de ser inspirado por textos e pelo mundo à volta (e a de inspirar os autores a escrever histórias mais "cinematográficas", com mais deixas para as imagens, em contrapartida, é uma grande ajuda);
-Habilidade com algum tipo de arte visual (idealmente o interessado deve demonstrar algumas imagens já feitas). Não se pede, aqui, uma arte que seja só clássica, ou só expressionista, ou só qualquer coisa. Mesmo que você não desenhe como Michelangelo (aquela tartaruga ninja kkk), não importa. Se os seus dons artísticos são "carismáticos" ou chamam a atenção (por serem sombrios, por serem perfeccionistas, por serem estilo mangá ou HQ, etc), saiba que é isso o que é procurado. E como teremos diversos tipos de histórias, o ideal é que diversos tipos de ilustradores as ilustrem, claro. Cada habilidade determinada para combinar com a atmosfera da trama.

Dubladores

O jornal, originalmente, seria físico. Ainda quero que seja, mas para começar, vamos pela via mais barata de divulgação: a internet. E já que estamos nela, vamos aproveitar os recursos multimídia, não vamos deixar tudo apenas como um jornal comum seria. E um dos recursos mais estilosos para um texto é uma boa narração, que ajude a compor o clima da história. Na realidade os dubladores podem ir muito além de meramente reproduzir o que estará escrito na página: os autores são/serão instruídos a serem criativos, e usar e abusar dos recursos que a web oferece. Por exemplo: o espaço na página para textos escritos é limitado, mas pode-se, com a ajuda de um pequenino "podcast" no meio do texto, incluir trechos extras para a história que não serão escritos, mas simplesmente dublados. Partes inéditas, que só estarão disponíveis pelo som e que, além de quebrar a "monotonia" da página, também acrescenta informações "secretas" ("New Read +" alguém? kkk) ou de personagens de bastidores. E, lógico, a iniciativa pode partir do autor, mas também pode vir do dublador (às vezes autores podem se "esquecer" de incluir recursos multimídia simplesmente porque é mais fácil apenas escrever). Isso afora, dublagens e sonoplastias, se bem usadas, podem ampliar a imersão do internauta.
Pré-requisitos:

-Conhecimento de operação básica de captura e transferência de áudio;
-Tal como nos demais casos, se possível algo que ateste habilidades como dublador(a): fandubs, por exemplo. Ou, se estiver procurando atuar como sonoplasta, alguma habilidade para capturar, editar e/ou produzir sons, trilhas sonoras, etc.

Cartunistas

^Praticamente o mesmo que para ilustradores, tirando que agirá produzindo tirinhas para o final do jornal (sim, nós temos isso). "Ñ inprta s vc n deznh bm cotnt q faz gbis lgal - FAGUDES". Ou Le Ninja. Ou o que for. Sendo engraçado, pode ser um bonequinho palito. Ou uma Mona Lisa. Basta pensar no público-alvo do jornal (universitários ou quase universitários) e desenhar like a boss.

Webdesigners / webmasters

É um veículo online. Precisa dizer mais? Poderemos ter a melhor e mais bem-intencionada, motivada e capacitada equipe do mundo, mas sem alguém capaz de colocar esse trabalho todo na internet, será o mesmo que trancar uma orquestra num bunker para um concerto ao vivo para as paredes. Precisamos de quem saiba desenvolver sites e/ou ferramentas como readers online e/ou que conheça ferramentas existentes que possam ser implantadas. Os planos para o futuro do jornal são que se crie uma comunidade em toreno dele capaz de se comunicar através do site e que possa se unir e criar outros jornais, que ficarão expostos em uma "banca de jornais virtual". Sim, basicamente uma rede social temática, um "Issuu" com aspectos sociais além dos de divulgação. Os trabalhos exigi~rão um - ou mais - indivíduos capazes de encabeçar um bando de semi-analfabetos digitais até as nuvens, e lá formar uma rede social que durará por dez mil gerações! MUAHAHAHA!... Ah... está bem, vamos voltar a colocar os pés no chão por hora...
Pré-requisitos:
-Habilidade com computação e com desenvolvimento e manutenção de sites (saber como e onde hospedar, por exemplo, já é uma grande ajuda);
-Novamente, se possível alguma prova de que já criou um site, ou um blog, ou um fórum, etc.


Outros

Inicialmente é isso, mas mesmo que o que você faz não esteja na lista, mas se interessou pela idéia e quer colaborar e ter seu nome e seu trabalho nas páginas do jornal, seja sua atividade qual for, por favor entre em contato. Animadores, fotógrafos, cineastas, cronistas, articulistas... Por mais que poderemos não precisar agora, o objetivo é crescer no futuro. Abrir uma dessas empresas onde ninguém leva o expediente à sério e faz as coisas porque gosta, onde beberemos mais do que trabalharemos e trabalharemos zuando. E sairá uma coisa legal porque gostamos do que fazemos. Por isso, certamente precisaremos também de quem saiba preparar divulgações (Publicidade & Propaganda / Jornalismo / Marketing), quem saiba editar e revisar produtos e textos, quem mexa com economia e direito... Cara, precisamos ou precisaremos de todo mundo que tiver interesse. Mesmo que sua habilidade não seja uma dessas coisas chiques que as pessoas resolvem dar nomes bonitos e criar cursos de pós-graduação (como "Fazedor de banneres" ou "Enviado especial para shows noturnos"), entre em contato comigo. Ainda temos uma última página do jornal cujo conteúdo está totalmente aberto a debates. Quem sabe não criamos um espaço para você e a sua idéia? ("5 dicas de Feng Shui", "O Encantador de Baratas", "Discussões mtafísicas sobre bioquímica elétrica", "Melhores trapaças em jogos de cartas e como fazê-las. Nesta semana: Poker" ou coisas assim).

E é isso. Interessados, dúvidas, sugestões, idéias, donnuts ou qualquer outra coisa, por favor entrem em contato comigo pelo e-mail citado acima.

Se conhecer alguém, passe a mensagem adiante! E achei bacana! Smile

Purin
Mars
Mars

Mensagens : 1425
Inscrição : 08/11/2008
Idade : 26

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Projeto: Jornal Online Literário

Mensagem por Keitava em Sex Set 02, 2011 12:26 am

Até me sinto na obrigação de passar pra dizer que participarei como autor e provavelmente auxiliarei no setor jurídico do negócio, quando vier a ser necessário.

O cara que tá encabeçando o projeto é muito daora, eu levo fé que tem futuro! Very Happy

Keitava
Jupiter
Jupiter

Mensagens : 1756
Inscrição : 28/05/2007
Idade : 27

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Projeto: Jornal Online Literário

Mensagem por Casty em Sex Set 02, 2011 1:57 am

Já mandei e-mail, espero poder ajduar ^^

Casty
Mercury
Mercury

Mensagens : 1
Inscrição : 02/09/2011
Idade : 26

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Projeto: Jornal Online Literário

Mensagem por ** Trunks ** em Sex Set 02, 2011 11:52 am

AHHH MULEQUE!!!!!

Adorei o projeto cara, passando uma prova que tenho vou querer me afundar nisso ai, sério mesmo ^^




** Trunks **
Bocoh!
Bocoh!

Mensagens : 11685
Inscrição : 25/05/2007
Idade : 106

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Projeto: Jornal Online Literário

Mensagem por Conteúdo patrocinado Hoje à(s) 12:03 pm


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum